24 de maio de 2013

Recomeço



Sabe de uma coisa, as vezes eu acho que sou encucada demais, neurótica demais, tola demais.
Não sei se existe mais alguém aí assim, mas sou desse tipo de se preocupar demais com os outros e pouco comigo mesma. Como se a opinião alheia tivesse mais importância que meus próprios desejos. 
Não falo de coisa complexa, não quero mudar o mundo sozinha nem nada, mas falo de coisas simples. Coisas como expressar minha opinião própria, sem medo do que a opinião alheia irá pensar. 
Acredito que esse seja o principal defeito meu. Ter medo das boas ideias, das experiências novas e de aventuras que poderão surgir a partir de tal decisão.
Talvez eu deveria pensar mais em 'o que eu realmente quero' e deixar um pouco de lado o 'o quê os outros irão pensar'.
Hoje eu quero mudar, quero fazer diferente, quero deixar esse medo de arriscar para trás. 
Dizem tanto que a vida é só uma, e temos tão pouco tempo, que é bobagem se preocupar tanto com tão pouco. 
E se eu quiser escrever meus pensamentos, não vou me importar se me chamarem de louca. E se eu quiser tirar fotos sem pose, não vou me importar se me chamarem de louca. E se eu quiser gravar vídeos, contar piadas, usar a roupa que eu quiser, não vou me importar se me chamarem de louca.
Uma nova chance se abre a cada novo dia, e eu não vou perder mais nenhuma oportunidade!

E só pra finalizar: "dizem que sou louco, por pensar assim, se eu sou muito louco, por eu ser feliz..."
É pedir demais?

Um comentário

  1. Esse texto é tão eu!!
    fizesse uma biografia minha kkkkkkk

    ResponderExcluir